UVERworld no Namba Hatch em Osaka

live report - 18.07.2016 21:01

No dia 12 de outubro, o UVERworld celebrou seu 15º aniversário no Namba Hatch em Osaka.

No dia 12 de outubro, o UVERworld visitou o Namba Hatch para fazer um show da sua turnê especial 15&10 Anniversary Tour. A apresentação de hoje marcou a celebração de seus 15 anos juntos e de sua estreia como músicos há dez anos. A celebração aconteceu na cidade natal do vocalista Takuya∞, portanto o show prometeu ser bom tanto para a banda quanto para os fãs fiéis.

O UVERworld rapidamente ganhou popularidade ao gravar canções para diversos animes, como D-Technolife (“Bleach”) e Hakanaku mo Towa no Kanashi (“Mobile Suit Gundam 00”), que alcançaram altas colocações no ranking de vendas da Oricon. Voltando ao presente, e com oito álbuns de estúdio e 28 singles na bagagem, a banda possui um vasto repertório para escolher.

Conforme o relógio se aproxima do início do show, a multidão se anima e começa a contar junto. Quando chega às 18h, a casa de show fica totalmente escura e uma batida repentina pode ser ouvida na escuridão. Os fãs começam a bater palmas no ritmo de The One, quando luzes vermelhas e azuis são acesas e focam no baterista Shintarou. Luzes claras iluminaram o palco e o restante da banda pode ser vista em pé ao lado da bateira taiko. Um impressionante show de luzes tem início e a plateia fica louca, pulando para todos os lados, gritando.

A próxima canção é Collide e uma das primeiras notas é a de um saxofone. SAIKA é o saxofonista da banda e também um de seus membros originais, da época em que o UVERworld ainda era conhecido como Sound Goku Road. Ele oficialmente se juntou à banda novamente em 2014 e, a julgar pelo jeito como ele pula no ritmo e imita uma guitarra com seu saxofone enquanto não o está tocando, ele está claramente curtindo seu momento no palco.

Sendo uma das canções mais recentes da banda, Collide mostra um novo som que o UVERworld tem experimentado recentemente. Focando mais no estilo techno e com o som do saxofone mais proeminente, a faixa ainda soa como UVERworld, com suas variações únicas de tempo entre o vocal de Takuya∞ com acompanhamento no piano e a batida extremamente rápida de todos os instrumentos. Há também um pouco de rap na mistura e o gosto de Takuya∞ em fazer sons de transformação do microfone.

Após cinco músicas, é hora de descansar um pouco e Takuya∞ fala sobre como está feliz em estar de volta à Osaka, a cidade onde nasceu. A multidão responde com gritos e isso é o sinal para a banda começar Arubeki Katachi. Enquanto a canção é tocada, em vez das típicas imagens, sua letra é mostrada no telão atrás deles, encorajando os fãs a cantarem junto.

No próximo MC, luzes claras novamente iluminam o palco e, enquanto os outros membros da banda saem do palco, o baterista Shintarou fica para trás para conversar com a plateia. Ele fala sobre o aniversário da banda e como gosta de ouvir os meninos e as meninas gritando separadamente. Isso deixa o público muito entusiasmado e dá início a uma competição de gritos. Shintarou comenta que gosta dos gritos das meninas e quase imediatamente pede desculpa. Ele fica bastante envergonhado e pede que a banda volte logo ao palco, antes que ele passe ainda mais vergonha.

As luzes se apagam e o silêncio domina o Namba Hatch, mas assim que Takuya∞ assobia as primeiras notas de 7th Trigger, os gritos da multidão tornam-se ensurdecedores e eles começam a pular e bater palma seguindo o ritmo. Quando a cantoria começa, todos cantam junto com cada verso o mais alto possível. Durante o refrão, Takuya∞ até mesmo aponta o microfone em direção à plateia e deixa que eles assumam o controle.

O público pulando por todos os lados e o uso pesado da iluminação faz com que a temperatura suba em um ambiente tão intimista quanto o Namba Hatch. Após cerca de metade do show, membros da staff começam a buscar pessoas na plateia que desmaiaram devido ao calor intenso do local. As pessoas não parecem se incomodar com isso e os lugares, agora vazios, são preenchidos por fãs entusiasmados.

PRAYING RUN começa com um riff peculiar do guitarrista base Katsuya e com Takuya∞ ofegando no microfone. O telão mostra um par de pés correndo por uma estrada longa e abandonada. No meio do refrão, fica claro que é o clipe da canção, mostrando um homem treinando para um combate de boxe. Em certos momentos, Takuya∞ se move exatamente como o homem do vídeo faz, o que faz a plateia se sentir parte do vídeo.

Massive é o momento onde todos os instrumentos brilham. Takuya∞ deixa o palco por um momento e Shintarou começa a canção com um solo de bateria. A multidão bate palma alegremente. O baixista Nobuto se junta ao ritmo e mostra suas habilidades incríveis com seu baixo iluminado por luz de LED. Conforme a música progride, cada membro realiza um pequeno solo. Apesar de a canção não envolvê-lo, parece que Takuya∞ não resiste e se junta à diversão, já que é possível vê-lo pulando fora e dentro do palco próximo ao fim da música.

Mais perto do fim do show, Nanokame Ketsui começa com apenas Takuya∞ visível no palco enquanto canta os primeiros versos à capella. Usando suas mãos e expressões faciais para demonstrar suas emoções, ele se joga de corpo e alma na performance, e a plateia, normalmente tão turbulenta, parece hipnotizada, até mesmo boquiaberta. Conforme a banda se junta à canção, a música preenche o local e uma luz laranja engole o palco enquanto um lindo pôr-do-sol pode ser visto no telão.

Apesar da falta de um encore, a setlist foi, mesmo assim, impressionante, pois foi construída em torno dos destaques dos álbuns mais recentes e incluiu até mesmo os dois últimos singles, juntamente com suas respectivas B-sides. Todos os membros realizaram uma performance energética e, com a excelente combinação de luzes e projeções em vídeo, o UVERworld mostrou que sabe como fazer um show divertido.

Set List

01. THE ONE
02. collide
03. Nano Second
04. Enough-1
05. Arubeki Katachi
06. Hissei Satsuki Prologue
07. 7th Trigger
08. Dare ga Itta
09. I LOVE THE WORLD
10. Don’t Think Feel
11. PRAYING RUN
12. Ø choir
13. Massive
14. CORE PRIDE
15. LIMITLESS
16. Rei HERE ~SE~
17. IMPACT
18. Boku no kotoba dewa nai kore wa bokutachi no kotoba
19. Nanokame no ketsui
artistas relacionados
comentários
blog comments powered by Disqus
galeria relacionada
propagandas
  • Radio AniMiX